3.12.09

Famosos sumidos



Por onde anda... Gabrielzinho do Irajá

Por onde andam os famosos sumidos. Famosos que sumiram da TV


Após ficar famoso ao interpretar si mesmo na novela América (2005), Gabriel Gitahy da Cunha, o Gabrielzinho do Irajá, sumiu da mídia. Desde então, legiões de fãs do universo inteiro vivem aflitos com uma dúvida: Por onde Gabrielzinho do Irajá?

A resposta para esta intrigante pergunta você descobre depois dos nossos comerciais.





Com o dinheiro recebido por sua participação na novela, Gabrielzinho comprou um beyblade, uma Belina 82 e meio quilo de mariola da peteca. No entanto, por ser menor de idade na época, Gabrielzinho não poderia dirigir. Assim, ele deu o carro ao seu irmão Creiton, o Creitinho do Irajá, sob uma condição: que Creiton trabalhasse como seu motorista.

Trato feito, Gabriel ordenou que Creiton dirigisse até o Pará, pois nesse país lugar melhor não há. Chegando lá, Gabrielzinho encontrou Fifi, sobrinha de Didi, e com ela montou uma banda de tecnobrega chamada Bolor na Cueca, que até hoje é referência para grupos como Calypso e Banda Djavu.

Pouco se ouve falar da banda por aqui pois ela despontou para o sucesso internacional desde o seu primeiro hit, É hora de mofar, que, inclusive, foi traduzido para outras línguas: Es hora de convertirse en hongo (espanhol), It's time to mold (inglês), че е време да мухъл (búlgaro), entre outras. De lá pra cá, a Bolor na Cueca vem rodando o mundo com seu show, sempre fazendo grande sucesso e causando comoção nacional por todos os países onde passa.


Curiosidade: da mesma maneira que Maradona na Argentina, Gabrielzinho é idolatrado no Moçambique. Na capital, Maputo, há uma estátua em sua homenagem, esculpida em isopor® transgênico.